segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Até breve!





                 Ainda atordoado, as feridas não foram choradas como deveriam. É incrível como por mais que achemos que estamos preparados pra lidar com a perda, sempre descobrimos que de certa forma estamos enganados. Lidar com a perda, principalmente de quem mais amamos, nunca é fácil. Principalmente quando quem parte nos ensina tanto, mesmo sem saber que está ensinando. É estranho como um simples animal, sem pretensão nenhuma, entra na sua vida e te faz sentir que ele é uma parte de você. Todo o afeto depositado, a fidelidade, o carinho despretensioso. Te faz sentir que estava escrito, ele deveria estar aqui, com você, que ali sempre foi o seu lar. E a vida te surpreende. Às vezes me questiono sobre quais os motivos de Deus pra levar tão depressa pessoas tão importantes... talvez lá pra onde o Led foi agora, ele seja necessário. Mas por que tão cedo?


                 Ele foi embora, mas ainda existe um pedacinho dele aqui em mim, tenho certeza de que um dia nos encontraremos novamente.

Vá em paz, meu grande amigo! Sua passagem por aqui não foi em vão...


'amigos nunca dizem adeus, então, até breve, irmãozinho! :)


4 comentários:

Paulo Braccini - Bratz disse...

é sempre muito difícil ...

Wall ? disse...

E como é :'(

Mas tenho esperança de que ainda iremos nos reencontrar. Isso ajuda a preencher o vazio que fica :/

Muito obrigado pelo carinho, Bratz! :)

Etiene disse...

que lindo Wall, a vida é assim mesmo, muitas vezes ingrata, não podemos entender os propósitos de cada coisa que acontece, boas ou ruins, só nos cabem aceita-las.
Beijus querido

Wall ? disse...

Obrigado pelo carinho, Ti. Sempre me conforta acreditar que essa separação é temporária.

♫ Entrego, confio, aceito e agradeço!

Postar um comentário